Zé Rafael liberado para o Ba-Vi

Em decorrência de algumas confusões após o triunfo por 1 a 0 em cima do Botafogo, nos vestiários do Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, o meia Zé Rafael foi acusado de “conduta contraria à disciplina ou à ética desportiva”.

Julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, em uma audiência na manhã desta segunda-feira, 5, Zé foi absolvido e está livre para atuar no clássico contra o Vitória no Barradão, no próximo domingo, 11, às 16h.

Zé poderia pegar gancho de até seis partidas pela acusação. O meia jogou 63 partidas em 2018, tornando-se o jogador que mais atuou pelo Tricolor neste ano

Artiheiro do Esquadrão com 11 gols, o jogador marcou um dos gols na goleada, por 4 a 1, em cima do rival no primeiro turno do Brasileirão.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.