Suspeito de participar da morte de médico é preso

Policiais da Operação Gêmeos prenderam na última última sexta-feira (30), Lucas Chahoud Fonseca Farias, 20 anos, na Travessa Manoel Rangel, no Alto de Ondina. Ele acusado de participar da morte do médico Marcos Spínola Ramos, em 2013.

O médico saia de um camarote em Ondina e foi espancado quando tentava recuperar uma corrente de ouro roubada de um primo que o acompanhava. De acordo com o delegado da Marcelo Sansão, da 1ª Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico), o suspeito foi encontrado após denúncia anônima, em uma barbearia. 

Além da morte do médico, Lucas Farias tinha mandado de prisão em aberto por roubo e corrupção de menores. Além de passagem por tráfico de drogas.  

Em janeiro, outro suspeito de envolvimento na morte de Marco Spínola também foi preso. Arlindo Barbosa Pacheco, conhecido como “Arlindinho”, foi encontrado na mesma localidade. Na ocasião, ele foi flagrado com pedras de crack, cocaína e uma balança de precisão. “Arlindinho” foi encaminhado para o complexo prisional da Mata Escura.

Um adolescente de 17 anos suspeito de envolvimento na morte do médico foi morto em janeiro de 2014. O estudante de Educação Física José Wilson Mendonça Messias de Figueiredo, de 21 anos, também foi preso acusado de participação no crime.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.