Rubro-negros saem decepcionados do barradão

barradão

Ontem, enfim, o torcedor rubro-negro pode matar a saudade e realizar o tão aguardado reencontro com o seu santuário, o Barradão. Porém, a ocasião não saiu como planejada. Ao invés, de aplausos e festejos, os 15.259 torcedores deixaram o estádio na bronca. Vaias e muitas queixas após o empate sem gols diante do Corinthians.

Por conta do resultado e, consequentemente, da manutenção no Z-4, a torcida não perdoou a diretoria do clube. “Foram 45 dias parados por conta da Copa e o time não teve melhora alguma. Não há padrão tático, os reforços que chegaram, nenhum presta. Acorda, diretoria do Vitória!”, aos gritos reclamava o aposentando, Rogério Santos, que também bradava quanto à mudança do gramado do Barradão.

Curiosamente, a queixa também foi a mesma de alguns profissionais de rádio. Para não comprometer a narração e locução durante a partida, os mesmos tiveram que ficar em pé na tribuna de imprensa durante toda transmissão do jogo.

Segundo o presidente do Vitória, Carlos Falcão, “providências serão tomadas ainda esta semana”. O dirigente ainda garantiu que “para o próximo jogo tudo estará resolvido”.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.