Previsão é de que Bahia registre 2.500 casos de câncer de mama só em 2014

mama

Com a previsão do surgimento de 57.120 novos casos de câncer de mama em todo o Brasil, destes 10.500 no Nordeste e 2560 na Bahia, segundo dados do InstitutoNacional do Câncer, e levando em conta que 10% dos pacientes que apresentam os tumores malígnos têm histórico familiar da doença é preciso ficar atento.

Silencioso, rápido e traiçoeiro, o câncer de mama mata milhares em todo o mundo, sendo o mais recorrente do planeta. Especialistas e mulheres que já apresentaram quadros graves da doença e conseguiram escapar da morte, aconselham: o diagnóstico precoce faz toda a diferença na luta pela vida.

O risco de uma mulher apresentar câncer de mama até os 70 anos é de 12%, mas há fatores que podem aumentar ou diminuir esta estimativa, conforme afirma o oncologista clínico da Clion Rodrigo Santa Cruz Guingalini. “Mulheres com histórico familiar, por exemplo, têm chances maiores de apresentar a doença, antes mesmo da idade mais comum de aparecimento do tumor”, explica Rodrigo, que também é oncogeneticista do grupo CAM.

Nas mulheres o tumor se manifesta na mama a partir dos 50 anos, idade em que é recomendado o início do rastreamento da doença anualmente, através do exame da mamografia.

Já as mulheres que apresentam histórico familiar da doença, possuem grande predisposição  genética para o aparecimento dos tumores, o que requer um  acompanhamento médico mais precoce.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.