Por Neymar, Justiça determina suspensão da venda de Playboy

playboy-469-capa-ass-patriciaalta

A 3ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo determinou a suspenção imediata da edição e venda de novos exemplares da revista “Playboy” de junho, que traz a capa intitulada “A Morena que Encantou Neymar”.

O estafe do atleta da Seleção Brasileira afirmou em nota oficial que “a editora, além de divulgar uma mentira sobre a vida pessoal do Neymar Jr, utilizou indevidamente o seu nome, ou seja, sem a autorização da NR SPORTS, empresa dos pais do atleta e única detentora dos direitos de exploração da imagem, nome e seus atributos”.

A mulher que diz ter tido um relacionamento com o jogador é Patrícia Jordane, que estampa a capa com uma blusa azul em um fundo verde e amarelo, em clara alusão à Copa do Mundo e à Seleção Brasileira.

Sobre o suposto envolvimento, a garota disse: “conheci-o no Rio, em dezembro de 2012, mas não rolou nada. Coincidentemente, nos encontramos novamente na praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis, na véspera do Ano Novo. Ele é um cara muito do bem e divertido, e começamos a ficar nessa data. Durou até o Carnaval, quando ele assumiu o namoro com a Bruna Marquezine”.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.