Pacientes têm dificuldades para marcar consulta no Martagão

A estrutura do call center responsável pela marcação de consultas do Hospital Martagão Gesteira não suporta a demanda diária de mais de 2 mil ligações. A mãe de uma paciente, que não quis se identificar, fala da dificuldade que vem enfrentando para marcar um atendimento na unidade de saúde.

Segundo a mulher, por dois dias seguidos ela tentou uma marcação, sem sucesso, pelo telefone 3041-3800, único canal para esse serviço oferecido pelo Martagão. Ela informou, ainda, que atendentes de outros canais da instituição atendem rapidamente as chamadas, mas não transferem a ligação e pedem que a mãe tente pelo número próprio de consultas. Na página do Facebook do hospital, muitos internautas se queixam do mesmo problema.

A assessoria do Martagão reconheceu o déficit no sistema e lembrou que o hospital é responsável por atender municípios de todo o Estado da Bahia. O call center, que funciona das 7h às 19h, recebe uma demanda de 167 ligações por hora.

Em nota, a instituição afirmou que “encontra-se à disposição para resolver os problemas e pendências referente à marcação de consultas e atendimento”. “A equipe está exaustivamente analisando o cenário e estabelecendo medidas de melhoria”, diz o comunicado. No mês passado, o hospital dobrou o número de atendentes e atualmente conta com 30 pontos de atendimento.

O Martagão lembrou, ainda, que a central de telefone tem por objetivo acabar com a formação de filas presenciais, que muitas vezes levam mães e filhos a passarem horas nas unidades.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.