MORRE UM SUSPEITO DE TORTURAR O SOLDADO DO EXÉRCITO

Um dos suspeitos de torturar e obrigar dois soldados do Exército a entrar na Lagoa da Pedreira, no Cabula, onde tiveram que atravessar nadando enquanto levavam tiros, foi morto durante operação da Polícia Militar, na localidade da Timbalada, na noite do último domingo, 8. A operação envolveu equipes da 23ª Companhia Independente da PM (CIPM/Narandiba) e da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT)/Rondesp Central, com apoio do 6º Batalhão de Polícia do Exército.

Por meio de nota, a PM informou que o grupo responsável pela operação foi à região da Timbalada na tentativa de localizar os autores do crime, mas, ao chegar, foi recebido a tiros e revidou. Um dos suspeitos do crime contra os soldados ficou ferido. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Roberto Santos, mas não resistiu. Os outros envolvidos conseguiram fugir. 

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.