Moradores fecham avenida Paralela após homem ser baleado

Cerca de 50 pessoas participaram de um protesto na tarde deste domingo (21), na avenida Paralela, em Salvador. Segundo a Polícia Militar, uma tentativa de homicídio deu início ao protesto.

De acordo com a Central de Polícia, o grupo de manifestantes ateou fogo em pneus e fechou parte da avenida em direção ao centro da cidade.

Segundo a polícia, o protesto aconteceu depois que um morador do bairro de Vila Nova de Pituaçu foi baleado no local. O protesto começou no início da tarde. A Polícia Militar foi enviada ao local para negociar a liberação da via. Os manifestantes deixaram a avenida por volta das 15h.

De acordo com a Transalvador, o trânsito ficou bastante congestionado na região. Uma equipe da Polícia Militar chegou acompanhar a manifestação, mas ninguém foi preso.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.