Médicos suspendem atendimento pelo Bradesco Saúde na Bahia

bradesco saúde

Os médicos vão suspender atendimento pelo Bradesco Saúde na Bahia, a partir de 25 de junho. De acordo com o Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed-BA) a decisão foi tomada após a empresa negar negociar um reajuste com os profissionais baianos.

Ainda segundo o Sindimed-BA, ficam assegurados os atendimentos de urgência e emergência. Eles recomendam que as consultas e demais procedimentos eletivos ainda podem ser feitos, desde que o segurado utilize a modalidade de reembolso, pagando diretamente aos profissionais e cobrando do plano o ressarcimento.

Para o sindicato a situação do achatamento progressivo da remuneração atingiu níveis insustentáveis. Os radiologistas receberiam R$ 5 por um laudo de raio-X de tórax e  R$15 por uma ultrassonografia obstétrica, exames de alta complexidade.

A paralisação já foi comunicada aos órgãos competentes: Procon, Ministério Público (Ceacon), Ministério Público Federal e à ANS. Desta forma, destacamos que  o próprio plano compeliu os médicos a adotarem essa medida extrema de paralisação dos atendimentos por tempo indeterminado.

Em nota, o Bradesco Saúde não se pronunciou sobre a paralisação do médicos, mas informou que reajusta anualmente os valores de consultas e honorários médicos, na maioria das vezes acima dos índices gerais de preços e dos índices de reajuste editados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).\

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.