Mais de 100 famílias ficam desabrigadas após água da chuva invadir casas em Pirajá

Pelo menos 100 famílias quem moram rua Luan Braga, no bairro de Campinas de Pirajá, ficaram desabrigadas por conta da forte chuva que caiu na noite desta segunda-feira (5). Segundo os moradores, uma boca de lobo entupida teria sido a principal causa da água não ter escoado após o fim da chuva.

Em alguns trechos, a água está atingido a cintura dos moradores. Ontem a noite, quando a chuva começou a inundar a rua, a população entrou nas casas para tentar salvar móveis e eletrodomésticos em cima de armários, mas nem todos conseguiram.

Por conta da situação, algumas famílias afetadas estão buscando abrigo em casa de vizinhos que moram em áreas mais altas ou parentes. Ainda não há informações sobre o local que a prefeitura vai enviar os desabrigados.

Na manhã de hoje, os moradores se reuniram na laje de um prédio onde iniciaram os cadastros das famílias que tiveram as casas inundadas. Segundo a assistente social da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps), que está acompanhando a situação, há 107 famílias desalojadas.

A Defesa Civil vai fiscalizar as casas para verificar o prejuízo individualmente e, assim, pagar o auxilio emergência às famílias afetadas.

 

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.