EMPRESÁRIO DECLARADO COM CORONA VÍRUS FOGE DO ISOLAMENTO

O décimo caso, de Porto Seguro, foi uma ação irresponsável, negligente, de um empresário que teve seu caso confirmado, no [hospital Albert] Einstein. O médico determinou que ele ficasse em casa por pelo menos uma semana, e ele pegou seu jatinho, convidou alguns amigos e foi para Trancoso. Já determinei à PGE que abra um processo criminal contra ele”, declarou Rui, no programa Papo Correria desta segunda-feira, 16.

O empresário em questão é, segundo o site Bahia Notícias, Cláudio Henrique do Vale Vieira, presidente do Grupo CVPAR. Ele foi abordado por agentes e saúde do governo da Bahia, na praia com amigos em Trancoso. Cláudio estaca ciente de que havia testado positivo para o novo coronavírus em São Paulo e mesmo assim ignorou às ordens médicas.

Além de fugir de SP, Cláudio participou de festas em Porto Seguro e também contratou funcionários para trabalhar em sua residência e ter contato com ele mesmo após o diagnóstico. Dois funcionários já foram contaminados.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.