Criança é morta após ser atingida por bala perdida

garota morta

No final da manhã deste domingo, 5, a menina Amanda Luísa Costa Argolo, 4 anos, foi assassinada com um tiro nas costas, durante um atentado contra um homem identificado como Claudionor Rodrigues Moreira Filho, 24 anos, no bairro de Mussurunga I.

A namorada de Claudionor, Tamires Freitas de Jesus, 21 anos, foi atingida no abdômen e perna direita. Claudionor levou três tiros na nuca, abdômen e perna. Todos foram levados ao Hospital Menandro de Faria, em Lauro de Freitas.

Quando foi atingida, Amanda estava passava com a mãe, a vendedora Juliene Costa, 27 anos, próximo a Escola Técnica Estadual Newton Sucupira, na rua M, setor F, do bairro.

Claudionor e Tamires estavam na porta da escola fazendo ‘boca de urna’. “Ele não viu quem foi. Estava de costas quando recebeu o primeiro tiro na nuca. Nem sabia que a criança tinha sido atingida”, revelou Tamires.

“Um marginal foi matar o rival e, lamentavelmente, atingiu terceiros. Ele fugiu a pé, em direção à Colinas de Mussurunga”, diz o major Ricardo, comandante da 49ª CIPM (São Cristóvão).

“Já morri mesmo. Perdi minha neta. Já estou morta, só falta me enterrar”, lamentou a avó materna de Amanda, Juciara Moraes, 51 anos. “A gente não se conforma com uma coisa dessa. Ela era uma criança amável, era criada com toda educação”, completou a avó da criança. Nesta segunda, 6, após o enterro, deve haver manifestação no bairro

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.