Coelba alerta para perigo de fogos de artifício e fogueiras perto da rede elétrica; veja dicas

A primeira é sempre manter distância da rede e não soltar fogos de artifício na direção de postes e cabos de energia. Estes artefatos somente devem ser manuseados por adultos e utilizados em locais realmente distantes das redes elétricas, afastados inclusive de bandeirolas e outros materiais inflamáveis.

Da mesma forma, as fogueiras não devem ser acesas perto de postes ou embaixo de fios elétricos, uma vez que o calor das chamas pode superaquecer a rede, provocando rompimento da fiação.

A decoração junina é outro aspecto que requer atenção na prevenção de acidentes. Enfeites de ruas e praças com as típicas bandeirolas, faixas e outros adereços devem ser produzidos com materiais não condutores de eletricidade e não podem ser afixados próximos da fiação elétrica. Jamais devem ser amarrados aos postes ou mesmo aos fios condutores de eletricidade.

Outro alerta é quanto aos balões. A Coelba lembra que soltar balões é crime e é uma brincadeira de altíssimo risco, especialmente se o balão entrar em contato com um fio energizado ou cair dentro de alguma subestação. Nesse último caso, há riscos de explosões.

No ambiente doméstico ou na rua, os cuidados com eletricidade devem ser redobrados. Em casos de  ligações  provisórias de energia para o suprimento das instalações elétricas de arraiais ou barracas que comercializam comidas típicas e fogos de artifício, o serviço apenas pode ser executado por profissionais. Ligação clandestina (gato de energia) além de sobrecarregar o sistema, representar risco de curto-circuito e acidentes graves, é crime previsto no Código Penal Brasileiro.

Outro ponto de atenção é o aumento de carga nas residências nesse período, muito comum para quem aluga a casa ou recebe muitas visitas. Para esses casos, é fundamental comunicar à Coelba para que a concessionária avalie se a rede está devidamente dimensionada para a carga extra.

A montagem de barraquinhas, camarotes, arquibancadas, palanques, palcos deve contar com o devido aterramento elétrico. Durante a montagem e a desmontagem, os operários deverão ficar atentos a distância da rede elétrica e manusear ferramentas e peças metálicas com cuidado.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.