Assassinato de mototaxista gera revolta em Canavieiras; população ateou fogo em ônibus

A morte de um mototaxista gerou uma série de protestos em Canavieiras, no Extremo-Sul do estado, durante todo o domingo (26). Segundo informações da delegacia de Ilhéus, que cuida do caso, a população se revoltou após tomar conhecimento de detalhes do crime, praticado por dois adolescentes.

Em uma das manifestações, um ônibus foi incendiado e a casa onde um dos suspeitos se escondeu foi cercada por populares. Eles tentaram linchar o suspeito, mas a Polícia Militar chegou a tempo de apreender o jovem e levá-lo a salvo  para a delegacia da cidade vizinha.

Outro adolescente, de 15 anos, já tinha sido apreendido pela PM e narrou o crime em depoimento à Polícia Civil. Segundo a delegacia, após roubarem a motocicleta, os jovens levaram o mototaxista para um manguezal, amarraram ele aos galhos de uma árvore e deram um tiro na cabeça.

Depois, ainda praticaram um assalto com a moto. O caso foi encaminhado ao Ministério Público, que pode pedir a internação da dupla.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.