ARGENTINOS SE DESPEDEM DE MARADONA

Corpo do ídolo argentino é velado na sede do governo de Buenos Aires em meio a confusão , tumulto e aglomeração. Houve um princípio de confronto entre a polícia e torcedores que logo foi controlado. Entre choros e cânticos, milhares de argentinos se aglomeram para se despedir do ídolo na Casa Rosada. Maradona morreu aos 60 anos em casa.De acordo com o resultado preliminar da necropsia, ele sofreu uma “insuficiência cardíaca aguda, em um paciente com uma miocardiopatia dilatada, e insuficiência cardíaca congestiva crônica que gerou edema agudo de pulmão”.O presidente argentino, Alberto Fernández, decretou três dias de luto nacional.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.