Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre), lançou chamamento público para selecionar propostas de Organizações da Sociedade Civil interessadas em se tornar parceiras na implantação e funcionamento de uma Central de Intermediação de Libras (CIL). Conforme o edital publicado no Diário Oficial do Município, nesta quinta-feira (4), os interessados devem apresentar suas propostas na sede da Sempre, no horário de funcionamento do órgão, das 8h às 17h.
A Central de Libras prestará serviço de tradução, interpretação e capacitação da Língua Brasileira de Sinais (Libras) para a Língua Portuguesa e vice-versa para pessoas com deficiência auditiva, surdos e surdo cegos. A meta é realizar até 300 atendimentos mensais e mais de 3 mil por ano que tem como objetivo proporcionar acessibilidade em quaisquer serviços públicos municipais, com a qualidade devida, às pessoas com as deficiências já citadas e que residam em Salvador.

 “Queremos que esse público consiga utilizar nossos serviços municipais sem precisar da ajuda de um parente, amigo ou acompanhante. Isso inclui, dá autonomia, independência e resgata a autoestima”, informou a Secretária Ana Paula Matos. Já o Diretor UPCD Wagner Andrade afirmou  “Um grande avanço para a gente diminuir cada vez mais as barreiras que a pessoa surda enfrenta hoje, sobretudo do ponto de vista da comunicação, proporcionando assim um atendimento adequado e inclusivo”.

O presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (Comped), Wanete Carvalho destacou que “o órgão irá atuar na fiscalização para a garantia dos direitos das PCDs, sobretudo na perspectiva de inclusão social”.

Responder

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.